Nosso site utiliza de cookies para manter a experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com essas condições.

Você está assistindo à aula...

Tudo sobre o PIX

AGUARDE...

Nesse vídeo você vai entender tudo sobre o PIX: quanto custa, como utilizar, como vai ser o fluxo de pagamento do recebedor e do vendedor… Falamos também da chave de endereçamento, do QR Code Estático, do QR Code Dinâmico…

Pix é o nome de um meio de pagamento eletrônico do Brasil. O Pix forma o Sistema de Pagamentos Instantâneos (SPI), que foi estabelecido pelo comunicado nº 32.927, de 21 de dezembro de de 2018 do Banco Central do Brasil (BCB) e depois atualizado pelo comunicado n° 34.085 de 28 de agosto de 2019. A marca “Pix” foi lançada em 19 de fevereiro de 2020 pelo BCB, junto a material informativo para a população. O novo meio de pagamento permitirá transações como transferências e pagamentos, incluindo de contas, em até dez segundos. Tal qual determinado no comunicado nº 34.836 do BCB, o sistema deve estar disponível para a população a partir de novembro de 2020 através de bancos, fintechs e serviços de comércio eletrônico.

O presidente do BC, Roberto Campos Neto, afirmou que este é um dos projetos mais importantes da instituição para este ano e destacou que o Pix vai baratear o custo das transferências e vai eliminar a necessidade de as pessoas portarem dinheiro físico, o que representa um custo, principalmente para as empresas.

1